Make your own free website on Tripod.com
Junior Site

HOME

A Missão de cada Signo
Curiosidades Olímpicas
Fotos Engraçadas
Mitologia
Piscianos
Links
Sobre Mim
A impontualidade do Amor
Piscianos

Meu signo

Peixes

Perfil.
Sonho... fantasia... devaneio... Os mais emotivos, os mais receptivos e mais simpáticos seres da Terra. Quem vai conseguir ficar com raiva desses seres tão gentis, com aquele olhar lânguido, doce e meigo? Sempre prontos a ajudar as pessoas, eles são capazes de grandes sacrifícios para salvar as pessoas dos males do mundo. Muito sensíveis a tudo, percebem ao seu redor um mundo além do concreto, além do real, que é o mundo em que eles costumam estar com freqüência. Se há um mundo da Lua, é lá que eles vivem.
Costumam buscar explicações místicas para o mundo e estarão sempre abertos às ciências místicas e esotéricas. Muito compreensivos e sensíveis, sempre percebem as pessoas e seu estado de ânimo. São ótimos conselheiros, e até um tanto compulsivos quando querem auxiliar alguém. Falando assim parece que são ingênuos e tímidos ao extremo. Até são, mas são alegres e companheiros. Um tanto distraídos, desligados mesmo, às vezes arregalam os olhos e fixam um ponto no infinito. Até parece que alguém puxou o fio da tomada e eles se foram, mas logo voltam, e podem dizer tudo o que aconteceu na sua ausência. Talvez por pertencerem ao último signo do zodíaco, têm um pouco de cada um deles. Podem ser estabanados como os arianos, teimosos como os taurinos, versáteis como os geminianos, carinhosos como os cancerianos, egocêntricos como os leoninos, críticos como os virginianos, sociáveis como os librianos, profundos como os escorpianos, filósofos como os sagitarianos, reservados como os capricornianos, altruístas como os aquarianos e uma miscelânea de todos, os piscianos. Eles são meio camaleônicos, assumindo a forma e a postura de quem estiver ao seu redor, incorporando seu estado de ânimo e comportamento. Por isso são simpáticos. Além do mundo da Lua, eles também vivem na Terra, já que não tem outro jeito. Piscianos nunca serão conhecidos pela pontualidade. Adoram dormir e curtir cada momento de todas as tarefas e podem demorar horas para se arrumar para um encontro. Se um pisciano chegar a uma reunião mensal da diretoria, logo cedo, mas atrasado, com cara de sono e roupas próprias para noite, pode apostar que ele foi dormir tarde, se é que dormiu, por ter esticado a noite anterior num longo papo. Adoram a noite esses piscianos. O ambiente noturno os fascina. Bares com música, meia-luz, barulho de copos, um mundo meio irreal e fantasioso os fascina tanto que eles esquecem do mundo lá fora. Românticos ao extremo, poderão ficar um bom tempo escolhendo flores para a namorada e mais um tempo para escrever um bilhete apaixonado. Mas, voltando ao assunto inicial, aquela reunião, ninguém vai ficar bravo com ele. Com aqueles olhos sentimentais e quase sempre molhados, vai cativar e sensibilizar qualquer um. E ninguém também vai se importar com sua roupa, que se não for a da noite anterior, será bem despojada. Um jeans e uma camisa ou jaqueta bem confortável (piscianos detestam roupas apertadas) e um sapato. E aqui podemos nos deter um pouco mais. ADORAM sapatos. De todos os tipos e cores, e de todas as idades. Costumam manter seus sapatos por anos, assim como as roupas, às quais se apegam tanto. No conjunto eles sempre estarão bem vestidos. Mesmo que venham com uma roupa velha, parece que estão vestindo um modelito muito atual. Piscianos adoram cruzar os pés quando estão de pé, e mesmo sentados estarão com eles juntos sob a mesa. Muito intuitivos, é sempre bom dar atenção ao que eles falam, já que são tão perceptivos. Aliás, por conta disso, sempre sabem das coisas que gostamos. Costumam receber as pessoas em sua casa com o som da música que gostamos (e eles adoram música) e o nosso prato favorito. Mas, voltando à reunião: trarão muitas idéias, já que são muito criativos, mas não estarão anotadas em lugar nenhum, ou então num papel minúsculo no meio da agenda cheia de outros iguais, o que faz com que eles esqueçam algum detalhe. Mas sempre dão um jeito, inventando algo para compensar. E são muito inventivos mesmo. Inventam de tudo, e podem, criar uma história maluca para justificar alguma falha ou esquecimento, mas não são mentiras... mentirinhas bobas, que de tanto o pisciano pensar como colocá-las acabam se tornando tão plausíveis que ele mesmo confunde se foi invenção sua ou realidade. É que suas memórias são assim: imagens. E como o mundo real e o imaginário se confundem, ele adota uma verdade que está em sua imaginação. Ah... a reunião. Ele chegará esbaforido, com suas roupas confortáveis, sem nenhum papel na mão, e justificando o atraso com a desculpa da reforma do banheiro da vizinha que atrapalhou a passagem de seu carro na garagem. Mas não tem importância. A reunião estava marcada para a semana seguinte, e nem era com a diretoria. Era com o mecânico de seu carro, e estava marcada para ontem. E ele veio de táxi, pensando que já havia deixado o carro no conserto.

Pisciano.
Talvez não existam mais homens como os piscianos. Gentil, cavalheiro e sempre muito solícito, você terá contato com um homem calmo e tranqüilo, capaz de conquistar e envolver qualquer pessoa, mesmo não sendo o tipo viril e arrebatador. Com seu charme indecifrável, consegue encantar as mulheres com aquele olhar perdido e meio vago, olhando o infinito com os olhos arregalados.
Ótimo companheiro, se comove com facilidade, e você poderá ver um pisciano com os olhos rasos dágua quando encontra um velho e querido amigo, quando vê um filme cheio de emoção, como E.T., ou uma propaganda de televisão cheia de sentimento. O mundo das imagens é muito rico, e ele vê um fato qualquer e se remete ao passado e sente... sente novamente as mesmas emoções. Não é difícil ver um pisciano parar de fazer uma tarefa e literalmente viajar. É... e ele faz isso muitas vezes. Em um bate papo ele começa a devanear e viaja na maionese pela Hellmans Airlines. Ele é envolvente, e parece que aumenta seu campo magnético cobrindo a pessoa, que também sente... sente algo meio mágico, principalmente quando ele olha em seus olhos. Seu jeito delicado e refinado de ser costuma provocar paixões que só uma Julieta pode ter sentido. Um verdadeiro Romeu, meio adolescente e sempre pensando no mundo e na vida. Ele não costuma abordar as mulheres, mas dá chance a elas de se aproximarem e serem envolvidas por ele e seu perfume. Claro que um ser tão romântico e distante ao mesmo tempo pode de repente desligar, mas se estiver realmente interessado, vai estar cada vez mais constante, vivendo o que Vinícius de Moraes qualificou de amor que é chama e que será eterno enquanto dure. Ah... pessoal romântico. Será que existem? De repente não. É só um sonho... uma imagem. Um pisciano.

Pisciana.
Se o homem de Peixes parece um príncipe encantado, a mulher de peixes parece Cinderela. A mulher pisciana costuma ser bonita e sedutora, com uma aparência meiga e suave, lembrando aquelas peças de porcelana francesa. Claro que nem todas poderão usufruir do requinte e refinamento exigido pela sua elegância e charme, mas, mesmo assim, a pisciana ainda será alegre e romântica. Envolta por uma aura meio mágica e misteriosa, pode atrair os homens com facilidade, só de ficar sentadinha, com as pernas cruzadas (elas adoram cruzar as pernas, como todo o povo de Peixes). Sempre exala um perfume suave, meio indecifrável, que encanta os homens. Se for do tipo menos tímido, se insinuará, mas sempre com um certo ar de reserva, o que atrairá ainda mais os homens. Se for do tipo mais tímido, ficará olhando de longe, e mesmo assim chamará a atenção do homem. Quando ocorrer a aproximação ela estará aberta a todos os carinhos, como se estivesse sempre aprendendo a arte de amar e tendo primeiro contato com o amor. Isso faz os homens se sentirem especiais. Aquele seu ar meio misterioso realmente tem razão de existir, e descobrir seus segredos torna o contato mais excitante. Pronto... você estará definitivamente envolvido pela pisciana, e daí em diante sempre terá que protegê-la, e ela faz questão disso. Como todo signo de água, exigirá atenção constante, e você terá de ser um príncipe encantado para sempre. Se você se esquecer disso, ela também esquecerá e o amor irá desaparecendo aos poucos... assim como começou. Mas ela se encarregará de deixar o amor vivo, sempre olhando você com aquele olhar distante, tentando resgatar o príncipe que ela conquistou, ou deixou conquistá-la.

Sexo.
O erotismo será sempre importante numa relação com os piscianos, desde que preservem o romantismo e a suavidade delicada do amor. Muito sensuais, desde cedo eles sentem prazer em beijar, abraçar e tocar as pessoas, com a mais pura naturalidade, desprovida de malícia. O contato físico é visto com tanta naturalidade, que na adolescência precisarão ficar atentos para não se entregar totalmente, sem limites ou precauções. A descoberta da sexualidade sempre estará envolvida com o amor verdadeiro, não admitindo ligações íntimas sem um envolvimento afetivo. Carinhos com a ponta dos dedos fazem os piscianos estremecer, como se estivessem saindo do plano irreal em que estão e incorporando o mundo físico. Isto os faz sentir o prazer de ter um corpo e curtir o mundo da matéria. Por isso adoram as preliminares mais do que qualquer outro signo, e vão procurar prolongar ao máximo esse momento. Durante a relação sexual vão querer aproveitar cada instante, e também prolongá-lo. É... você vai precisar reservar um bom tempo para curtir o mundo da matéria com um Peixes. Como ele sempre está num outro mundo, quando incorpora se lambuza.

Presentes.
Sempre preocupados em ter que viver o mundo material, já que não têm outra saída, eles vão adorar tudo o que possa levá-los a seu mundo de origem: o mundo do sonho e da fantasia. Perfumes eles adoram: acrescentam algo mais ao seu perfume natural. Música de todos os tipos: sabem como ninguém entrar na dança das notas musicais, desde rock até música clássica e ópera, mas todas com muito bom gosto. Roupas: leves e claras, sem cortes justos e geométricos. Sapatos: aí você acertou em cheio, pois eles adoram os seus pés. Piscianos também adoram objetos que emitem som, desde sinos de vento até fontes com pedras. Também adoram objetos que se movimentam, como um móbile, ou outros que tenham luz, tais como luminárias e abajures. Querendo ser mais criativo você poderá dar-lhes um estojo de mágica, que sempre estarão usando para fazer demonstrações de sua habilidade com o ilusionismo. Máquinas fotográficas será uma ótima idéia. Ligados à imagem, sabem captar como ninguém os melhores ângulos e enquadramentos, retratando mais do que simples imagens, mas o sentimento do instante. Mas não importa o que você dê ao pisciano. O mais importante é estar numa embalagem muito bonita, cheia laços e muito papel para ele ir descobrindo lentamente o que ganhou, e sempre, mas sempre mesmo, acompanhado de um bilhete com dedicatória. Aí você vai ver um pisciano com os olhos mareados e eternamente agradecido.

Conquista.
Este com certeza é o mais romântico dos signos. Quando Shakespeare idealizou o amor impossível de Romeu e Julieta, com certeza estava envolvido com o espírito de Peixes. O amor sublime, sem fronteiras, que cega e inebria. Escancaradamente romântico, seu amor é capaz de levar as pessoas a esquecer do mundo real e só viver um mundo onde o perfume, a música e a paz eterna reinam. Se você quiser conquistar alguém de Peixes terá que ser muito, mas muito carinhoso, chegando-se lentamente e suavemente demonstrando sua intenção de lhe dar colo e proteção Quando menos esperar você o conquistou e ele estará se abrindo para você. Parece fácil, né? Só tem uma coisa: foi ele que conquistou você. Piscianos costumam ser como sereias. Seduzem as pessoas que querem apenas com o olhar, com o seu ar e sua presença enigmática. As pessoas que são envoltas por esse véu de sedução não têm escapatória. Estão na rede do Peixes, que nessa hora é o pescador. Daí em diante você estará preso em sua rede, e vai ser difícil sair dela. Não que ele seja controlador, mas sabe cada vez mais seduzir e você terá dúvidas se quer realmente sair dessa relação meio mágica e etérea. Depois de algumas horas com seu amor de Peixes, parecerá que você viveu um sonho, uma fantasia. Quando você acorda, ou melhor, quando você se despede, parece que tudo foi um sonho bom, que fica na lembrança o dia inteiro. Céus... como eles conseguem encantar. Será magia? Será sonho? Nada disso... é amor.

Peixes
20 de fevereiro - 20 de março
por Barbara Abramo

Último signo do Zodíaco, Peixes também é o último da série dos signos mutáveis, aquele que dispersa e distribui tudo o que todos os signos anteriores construíram e criaram no ciclo de manifestação. Assim como ele se dedica ao entendimento geral de tudo, porque sabe que tudo tem um fim, também sabe que está na fronteira de dois mundos. Um mundo que termina, outro que deve começar dentro em pouco. Nesse limiar, Peixes permanece, sentindo e pressentindo o que ainda virá, e o que já foi, tentando ensinar ao mundo a lição de todos somos partes de um mesmo organismo, que não há separação.
No mar de emoções instáveis como o oceano, governado por Peixes, está este signo que acompanha todos os que estão se despedindo de um ciclo, daí sua relação com os internatos, os que saíram do convívio humano, aspirando uma ordem ainda invisível. Os hospitais, onde muitos passam de um plano para outro, também é o lugar relacionado com peixes, assim como os portos, onde se vê ao longe a possibilidade de um mundo que se desconhece, mas que se pressente.
Peixes representa o conseqüente escapismo, a fuga do mundo, o devaneio e o ar vago, a modéstia e um certo ar de vítima do mundo que às vezes exibe. Com a enorme empatia que sente pelos desfavorecidos, Peixes quer a justiça, mas a divina, pois "seu reino não deste mundo" e ele entra pela porta dos fundos em todas as situações, mas acaba sempre dando seu recado, porque o céu fala por sua boca.
Assim é Peixes, que às vezes é saltimbanco na vida, sem saber muito bem como anda e para onde vai, sempre seguindo com fé sua intuição e sua sensibilidade artística, principalmente musical. Peixes vê com os olhos amplos, fixos no horizonte e pouco lhe interessam os detalhes. "Navegar é preciso" é um lema deste signo, lítico, incompreendido, sentimental ao extremo, capaz das maiores loucuras e das maiores provas de compaixão humana. Almeja o transcendente, como Sagitário ou Escorpião, mas à sua especial maneira sem fazer alarde, sem querer convencer ninguém, mas com uma força de alma que é conhecido pela sua "reza forte", que cai como uma bênção nas almas aflitas.
Na saúde, Peixes rege os pés, esse órgão que carrega todo o peso do corpo, o fim e o limite, o mais humilde, mas sem o qual não podemos nos locomover. A analogia entre as ordens religiosas dos pés descalços, que demonstram extrema humildade e abandono das vaidades do mundo tem toda a relação com este signo, que também rege o sistema linfático e o centro de energia coronário. É comum ver o Peixes com problemas nos pés ele não vê direito onde anda, pois seus olhos são os olhos da alma, e os problemas daí decorrentes devem-se á inclinação inata de se desprender deste plano terrestre e alcançar uma dimensão mais espiritual da vida.
Na profissão, o Peixes está onde ninguém mais está: no laboratório de pesquisa física, tentando desvendar o que há mais além do universo conhecido, mas também no mercado, vendendo produtos de origem longínqua, que alargam a visão do consumidor. Mestre da arte mágica, vendedor do bizarro, poeta, cineasta porque almeja outra existência e outra ordem, literato, porque relata a vida e seus sentidos ou a falta deles músico e dançarino, santo, louco e médico, religioso ou mestre mais alto de uma ordem secreta espiritual, é aquele que segue com seu passinho os desígnios de um mundo que ainda não nos foi revelado, mas só a ele.
No amor, é o mais lítico e romântico de todos os signos, aquele que dá a vida por quem ama, que se compraz até na dor porque assim quem sabe alcança essa dimensão maior da vida invisível. Peixes deseja tão somente o encontro de almas, mais nada lhe serve e não menos exige. Se contrariado, chora e comove, ao ponto de se tornar a vítima que consegue o que quer graças ao seu poder de sedução, charme e mistério, que exibe sem querer. Por ser romântico, mas instável como o oceano, curioso e explorador, pode não se adaptar muito bem à vida do casamento, mas sua sensualidade e sexualidade, com fortes cargas românticas, o torna um dos amantes mais devotados a quem ama e à sua prole.
Seu elemento é a Água, sua pedra é a água-marinha e a ametista; seu metal é o estanho, sua core variável, do azul ao verde, com todas as tonalidades do oceano. Astro regente: Júpiter(clássico) e Netuno (moderno).

Sexualidade
Homem- O homem de Peixes é romântico, compassivo e cheio de meandros. Este é um homem inclinado a fantasiar no sexo, e você irá precisar de uma dose extra de imaginação e muito jogo de luz e sombra para que ele ache algum mistério interessante em você. O que acende o homem deste signo é o ritmo corporal; a música e a dança são, portanto, elementos essenciais da sua conquista. Perfumes, idem. Inebriado com cheiros exóticos, embalado por ritmos longínquos, ele se inspira e se derreterá por você. Comande um pouco a cena, para que ele se sinta fluir no infinito dos seus braços; ele pode se distrair com outros temas se você se mostrar direta ou agressiva demais. Ele precisa de aconchego e compreensão. Evite criticá-lo ou ter conversas racionais demais porque isso tira todo o seu tesão. Atenção especial aos seus pés e à barriguinha: muitas massagens o levarão ao delírio.

Mulher- Conta a lenda que a mulher de Peixes é a mais feminina, romântica e fatal de todo o zodíaco. Lânguida, remota e um pouco distraída, representa naturalmente o protótipo da mulher sensível, emotiva, que se recolhe e interioriza quando tantas outras se exibem na passarela. No jogo de ocultar-revelar que sabe manejar tão bem, poucos são os que não sucumbem ao canto dessa sereia. Mas se você está interessado nela, lembre-se: flores, música, ambientes bucólicos e românticos com muita tranqüilidade e uma dose de aventura a fazem sonhar e excita sua imaginação. E se você conseguir excitar sua imaginação, o resto vem naturalmente. Sensível e um pouco tímida ela é, embora não aparente. Quando se oculta, parece atrair e quando afasta parece tentar. Talvez seja a mulher mais esquiva de todo o zodíaco, a mais misteriosa e a mais difícil de agradar.